Envie para o cliente voltar para o topo

Roteiro voltar para o topo

SAÍDAS DIÁRIAS

1º Dia – PARO // THIMPHU (A, J) 
Sua jornada começa com o voo mais espetacular de montanha, com vistas para os principais picos do Himalaia, como Everest, Kanchenjunga e Makalu, e os picos nevados do Butão, os sagrados: Jhomolhari, Jichu Drake e Tserimgang. Você sobrevoa as colinas do sul, conhecidas como “dwars”, ou entradas para o Himalaia, a medida que sobem das planícies até encontrar os grandes picos nevados.
Na chegada ao aeroporto de Paro e após a conclusão das formalidades, você será recebido pelo seu guia. Dirigiremos de Paro até Thimphu (1 hora de viagem), a moderna capital do Butão que exibe uma emocionante mistura de tradição e modernidade.
Restante do dia livre ou você pode dar um passeio por esta cidade animada.
À noite, se o tempo permitir, visite a impressionante Trashicho Dzong, fortaleza que abriga a sala do trono do rei e vários escritórios do governo. É também a residência de verão do abade (chefe) e do corpo central dos monges. Se sua visita ocorrer em um dia útil da semana, chegue a tempo de assistir ao içar da Bandeira Nacional e a Marcha dos Guardas. (Aberto: Seg-Sex [Mar.-Out. após 17h30] [Nov.-Fev. após 16h30] / Aberto aos sábados, domingos, feriados públicos);
Pernoite em Thimphu.

2º Dia – THIMPHU (C, A, J)
Thimphu, talvez a capital mais incomum do mundo, é a sede do governo. Esta movimentada cidade abriga a família real do Butão. É também a sede de vários projetos de desenvolvimento financiados internacionalmente. 

Sua visita hoje inclui:
- Buddha Dordenma: estátua sentada no topo de uma colina com vista para Thimphu. A estátua do Buda Sakyamuni é uma das mais altas da Ásia (51,5 m). O site do Buddha Dordenma tem vistas panorâmicas sobre a capital. (Fecha diariamente Nov.-Fev. às 16h e Mar.-Out. às 17h)
- Gagyel Lhundrup Weaving Centre: tecelagem é predominantemente de domínio feminino, mas esse centro de tecelagem particular é diferente, pois pertence e é administrado pelo Sr. Kesang (um homem – o que é muito raro no Butão). Ele tece, cria padrões novos e únicos, combina cores incomuns e está muito envolvido em todo o processo. O centro frequentemente produz roupas para cerimoniais da realeza butanesa, incluindo o traje tradicional do casamento do rei Jigme Khesar Namgyel Wangchuck e da rainha Jetsun Pema, divulgado em outubro de 2011. (Fechamento com base no critério do proprietário, nesse caso, substituiremos por outro lugar).
- Memorial Chorten: a construção deste marco foi originalmente prevista pelo terceiro rei do Butão, Sua Majestade Jigme Dorji Wangchuck, que desejava erguer um monumento à paz e à prosperidade mundial. Concluído em 1974, após sua morte prematura, é um memorial em sua homenagem e, também, à paz. Durante as manhãs e as noites, é um lugar movimentado, onde pessoas de todas as idades circunda o chorten/stupa, rezam e se prostram no santuário, giram as grandes rodas de oração, oferecem candeeiros de manteiga, se aquecem ao sol enquanto socializam. Diariamente de novembro a fevereiro às 16h e mar. a out. às 17h)
- Zorig Chosum (também conhecida como escola de pintura): oferece um curso de seis anos nas 13 artes e ofícios tradicionais do Butão. Os alunos seguem um curso abrangente que começa com o desenho e progride através da pintura, escultura em madeira, bordado e criação de estátuas. Esta é uma ótima oportunidade para interagir e fotografar os alunos enquanto eles praticam suas habilidades na sala de aula. (Fechado às 13h, dom., feriados públicos, intervalo escolar: jul., jan.-fev.).
- Biblioteca Nacional: foi criada no final da década de 1960, principalmente para con-servar os tesouros literários que formam uma parte significativa do patrimônio cultural do Butão. Atualmente, abriga uma extensa coleção de literatura budista, principalmente em formato de bloco, com algumas obras com várias centenas de anos. Esta coleção, conhecida como Coleção Choekey, compreende principalmente literatura budista escrita em Choekey, o script religioso do budismo do norte, mas também inclui trabalhos escritos em tibetano e em Dzongkha, a língua nacional do Butão. A biblioteca também exibe um dos maiores livros do mundo – “Butão” (ex-detentor do recorde mundial do Guinness Book of World). Além de seu tamanho e peso, as imagens (impressas em um rolo de papel mais longo que um campo de futebol e com um galão de tinta) são espe-taculares cores vivas e retratos de tamanho humano. (Fechado Sáb., Dom., Feriados Govt)
- Fábrica de papel tradicional: testemunhe o processo do início ao fim. O papel é feito das cascas da árvore Daphne preta. O papel mais grosso é usado para as escrituras e os mais finos são usados para embrulhar presentes e vários outros propósitos.
À noite, faça um passeio pela rua principal da cidade.

3º Dia – THIMPHU // PUNAKHA (de carro 3h/76km) (C, A, J)
Vá até a passagem da alta montanha de Dochu La Pass (3.050m). Aprecie uma vista panorâmica dos altos picos do Himalaia. O lugar é marcado por 108 stupas construídas pela rainha-mãe.Punakha está localizada em um vale subtropical com verões quentes e invernos agra-dáveis. Punakha serviu como capital do Butão até 1955, quando a sede do governo se mudou para Thimphu.
Na chegada, visite Chimi Lhakhang (templo), uma caminhada gradual de 30 a 40 minutos por uma vila e arrozais. Situado em uma colina abaixo da vila de Metshina, o templo é dedicado ao Lama Drukpa Kuenley (também conhecido como o Divino Louco). O templo é popular entre as mulheres que têm dificuldades em engravidar.
Mais tarde, visite Punakha Dzong (fortaleza) que é estrategicamente construída na junção do rio Pho Chu (masculino) e Mo Chu (feminino). Danificado ao longo dos séculos por quatro incêndios catastróficos e um terremoto, o dzong / fortaleza foi totalmente restaurado em sua antiga glória. Punakha Dzong é uma das fortalezas mais bonitas do Butão. (Aberto das 11h às 13h e das 15h às 17h).
Restante do dia livre para atividades independentes.
Pernoite em Punakha.

4º Dia – PUNAKHA // PARO (de carro 4h/130km) (C,A,J)
Depois do café da manhã, viagem de carro até  Paro onde se cruzará com Dochu la Pass. Continue para Paro. Este belo vale tem uma rica cultura, beleza cênica e centenas de mitos e lendas. É o lar de muitos dos mais antigos templos e mosteiros do Butão e aqui está também o único aeroporto do país. Mt. Jhomolhari (7.300m) reina no extremo norte do vale, com uma neve eterna e suas águas glaciais mergulhando através de desfiladeiros profundos para formar o Pa Chu (rio Paro). O vale do Paro é um dos mais férteis do reino, produzindo a maior parte do famoso arroz vermelho do Butão a partir de seus terrenos.
Em Paro, visite Kyichu Lhakhang, um dos mais antigos templos do país. O templo é um dos 108 construídos no Himalaia pelo rei tibetano Songtsen Gampo para subjugar uma demoness (demônio) no século VII. A construção deste templo marca a introdução do budismo no Butão.
Em seguida, prossiga para visitar o Museu Nacional. A coleção do museu inclui arte e artefatos antigos do Butão: armas, moedas, selos e uma pequena coleção de história natural. (Fechado nos feriados públicos)
Fim do dia: visita a uma Farmhouse para dividir com uma família butanesa momentos e xícaras de chá. Pernoite em Paro.

5º Dia – Tiger’s Nest Hike – (total da caminhada 4-5 h) (C,A,J)
Café da manhã no hotel. Prossiga com uma caminhada até o Mosteiro de Tiger Nest (no caso de você desejar e estiver apto para a caminhada até o Tiger Nest ou, alternativamente, nosso guia o levará para outras visitas fáceis e opcionais disponíveis nas proximidades de Paro).
SUBIDA ATÉ O TIGER’S NEST (MOSTEIRO)
Sem dúvida, uma viagem ao Butão não estaria completa sem ver o Tiger´s Nest. O mosteiro do Ninho do Tigre, também conhecido como Paro Takstang, é um dos pontos mais conhecido do Butão, o cartão postal do país. O lugar é extraordinário! O mosteiro tem uma pequena coleção de edifícios empoleirados em um penhasco, a 900 metros do chão. É um local sagrado para os budistas e um dos principais pontos de meditação do mundo. Foi construído em 1692, ao redor da caverna onde Guru Rinpoche meditou pela primeira vez, o mestre que introduziu o budismo no Butão. Há uma lenda de que Guru Rinpoche foi transportado do Tibete para este local nas costas de uma tigresa, daí o nome. Hoje, este mosteiro consiste em quatro templos que também é morada de monges. Apesar das visitas diárias dos turistas, ainda hoje funciona como mosteiro. O Mosteiro do Ninho do Tigre está localizado a 16 km ao norte de Paro (20 minutos de carro).
A visita ao mosteiro do ninho do tigre leva um dia inteiro. Em média, leva entre quatro e cinco horas para fazer a caminhada de ida e volta, além de mais uma hora para visitar o mosteiro. Muitas pessoas também almoçam na cafeteria, não muito longe do mosteiro. Planejamos deixar Paro por volta das 8h e chegar de volta ao seu hotel por volta das 15h.
Devido à localização, a única maneira de chegar ao mosteiro é através de caminhadas.
Não há veículos que façam o trajeto até o mosteiro.
- Distância: 6,4 Km ida e volta
- Elevação Percorrida: 518 m
- Altura máxima do atrativo: 3.050 m
- Tempo médio da visita: 5 a 7h (dependendo do ritmo de cada um)

A trilha para o Mosteiro do Ninho do Tigre é uma trilha larga e de terra. É árduo o caminho, mas não excessivamente íngreme. É tranquilo para a maioria das pessoas. A caminhada até a cafeteria, que fica na metade do caminho, leva, para a maioria das pessoas, entre 1 e 2h. Ao longo do caminho, você passará sob muitas bandeiras de oração. Aprecie a vista sobre o vale nesse trajeto.
Algumas pessoas optam por terminar a caminhada na cafeteria. Porém, a segunda metade da subida é um pouco mais fácil. A trilha não é tão íngreme e fica menos monótona, especialmente quando você está perto do mosteiro.
Mochilas, equipamentos fotográficos e sapatos não são permitidos dentro do monastério. Eles precisarão ser deixados com a equipe de segurança localizada fora dos muros do mosteiro. Após o passeio pelo ninho do tigre, você voltará por onde veio. Certifique-se de obter todas as fotos que deseja ... isso é algo que você vai querer olhar para sempre!
NOTA importante: medidas de segurança para subir até o Tiger Nest:

- Prepare-se para o clima. No dia anterior a caminhada para o Mosteiro do Ninho do Tigre, o guia fornecerá instruções sobre a caminhada do dia seguinte (descrição da caminhada, subida de elevação, o que vestir etc.)
- Os clientes serão aconselhados a alugar um “stick – bastão de trilha” (disponível para aluguel no início da caminhada)
- Os clientes serão aconselhados a usar roupas confortáveis, além de uma capa de chuva. As mulheres são aconselhadas a usar calças bastante folgadas. Não use camisetas sem mangas. Vista-se com modéstia e respeito, pois o Mosteiro do Ninho do Tigre é uma instituição religiosa. Os clientes serão aconselhados a remover os chapéus. É proibido fumar no local.
- Use tênis confortáveis para proteger seus tornozelos.
- O guia irá no ritmo do grupo ou dos viajantes individuais.
Retorno ao hotel para descanso.
Pernoite em Paro.

6º Dia – PARO (C)
Café da manhã no hotel. Em hora determinada transfer privativo para o aeroporto de Paro.

NOTA: Observe que alguns pontos turísticos e/ou itinerários podem mudar devido à es-tação, clima, feriados nacionais e eventos especiais. Mantemos o direito de alterar o itinerário, pois os passeios são feitos com antecedência e circunstâncias imprevistas que podem exigir mudanças. Alterações são feitas para melhorar sua experiência geral de viagens no Butão.

Os tempos de condução e caminhada mencionados são aproximados e não incluem pausas na viagem para passeios turísticos, paradas para fotos, chá, refeições e descanso. Durante as caminhadas, pode haver atrasos ou desvio de trilhas devido a condições da trilha, intempéries e outras circunstâncias imprevistas.


HOTÉIS PREVISTOS OU SIMILARES

OPÇÃO 1
THIMPU – Ariya - apto Standard (4*)
PUNAKHA – Kunzhang Zhing - apto Luxury (4*)
PARO – Himalayan Forest - Private Cottage (3*Sup)

OPÇÃO 2
THIMPU – Dusit D2Yarkai - apto D Light (5*) 
PUNAKHA – Dhensa Boutique - apto Luxury (5*)
PARO – Le Meridien - apto Classic (5*)

OPÇÃO 3 
THIMPU – Taj Thimphu - apto Deluxe (5*)
PUNAKHA – Como Uma - apto Deluxe (5*)
PARO – Bhutan Spirit Sanctuary - apto Balcão (5*)

Saídas voltar para o topo

  • DIÁRIAS

preços por pessoa |Somente terrestre voltar para o topo

Deslize a tabela para os lados para ver mais valores

Hospedagem

Apartamento

Duplo

Single

Triplo

Chd1

Validade

+ Opcao 1 U$ 2.083 10x U$ 208 U$ 2.579 10x U$ 258 + opções 01/12/2020 até 20/12/2020 solicitar reserva
+ Opcao 2 U$ 2.333 10x U$ 233 U$ 3.124 10x U$ 312 + opções 01/12/2020 até 20/12/2020 solicitar reserva
+ Opcao 3 U$ 3.899 10x U$ 390 + opções 01/11/2020 até 20/12/2020 solicitar reserva

FORMAS DE PAGAMENTO
- No Cheque: Em até 10 vezes iguais sem juros no cheque pré-datado. Não aceitamos cheques de terceiros ou de pessoa jurídica cujos proprietários não sejam os viajantes;
- No Cartão: Entrada de 20% (depósito ou cheque) + 9 parcelas iguais nos cartões Visa, Mastercard e Diners. O Cartão de crédito deverá ser do próprio passageiro ou de parente em primeiro grau, com o mesmo sobrenome;
- No Boleto Bancário: Em até 10 vezes iguais sem juros (1+9);
- Pagamento à vista (depósito ou cheque): 3% de desconto.

O que inclui voltar para o topo



  
INCLUÍDO:
Hospedagem por 02 noites em Thimphu, 01 noite em Punakha e 02 noites em Paro com café da manhã;
- Pensão completa;
- Traslados Aeroporto / Hotel / Aeroporto e visitas guiadas em veículo privado com ar condicionado (Toyota ou similar);
- Guia acompanhante em inglês desde a chegada até a saída;
- Entradas aos monumentos e atrações;
- Taxas de serviço no Butão;
- Visto do Butão;
- Kit Viagem Freeway; 
Seguro Viagem Internacional (consulte suplemento para maiores de 70 anos)

NÃO INCLUÍDO:
- Passagem Aérea;
- Taxas de embarque; 
- Bebidas;
Refeições não mencionadas;
- Despesas Pessoais;
- Tours opcionais;
- Tarifa para envio de documentação e brindes fora da cidade de São Paulo. 
 
 
ATENÇÃO: A PARTIR DE 02/01/16 ENTROU EM VIGOR O NOVO IMPOSTO DE REMESSA PARA O EXTERIOR. ESTE IMPOSTO NÃO ESTÁ INCLUÍDO EM NOSSAS TARIFAS APRESENTADAS NESTE SITE, E O MESMO SERÁ INFORMADO SEPARADAMENTE. 
 
 

OBSERVAÇÕES:
***RESERVAS***
Para iniciar as solicitações de reservas internacionais, é IMPRESCINDÍVEL informar os seguintes dados do passageiro: nome/sobrenome, número do passaporte válido, data de nascimento e nacionalidade. Sem estas informações não será possível dar andamento ao processo de reservas da parte terrestre. Após confirmação da parte aérea, será solicitado um sinal de US$ 200,00 por passageiro, para que se possa dar continuidade nas solicitação da parte terrestre. O saldo deverá ser pago imediatamente após a confirmação do pacote, para garantir a reserva. O valor de sinal pago será deduzido do pacote, quando a reserva for integralmente confirmada. Em caso de cancelamento ou alteração por parte do passageiro, não haverá devolução do sinal. Caso a reserva não seja confirmada, o sinal será reembolsado integralmente.

DOCUMENTAÇÃO PARA EMBARQUE - Passageiros Brasileiros
- Passaporte com validade mínima de 6 meses além da data do final da viagem. 
- Vacinas necessárias: É obrigatória a apresentação do cartão de vacinação internacional contra a febre amarela. A vacina deve ser tomada com pelo menos 10 dias de antecedência da data de saída da viagem. 
- Visto: * Índia - Brasileiros precisam de visto para visitar a Índia. O portador de passaporte Brasileiro pode requerer eletronicamente um visto de turismo (E-Visa) em https://indianvisaonline.gov.in/evisa/tvoa.html
- O visto de Turismo Eletrônico pode ser requisitado por no máximo duas vezes ao ano. 

Como solicitar o e-Visa:

1. Upload de documentos e foto: Durante o processo de solicitação online, o requerente deve fazer o upload de uma fotografia recente e frontal do rosto, com fundo branco, além das páginas do passaporte em que estejam a foto e os dados pessoais (nome, data de nascimento, nacionalidade, data de validade etc.). A solicitação é passível de rejeição se o passaporte e fotografia inseridos não estiverem legíveis e conforme as especificações.

2. Taxa: o solicitante deve pagar a taxa indicada por passageiro, além dos encargos dos cartões de débito/crédito.  Uma vez paga, a taxa não será reembolsada.

3. Impressão: o solicitante deve imprimir e portar consigo a Autorização Eletrônica de Viagem (ETA), enviada por e-mail. Esse papel deve ser entregue às autoridades competentes no aeroporto indiano de chegada. As informações biométricas do solicitante serão coletadas pelo Serviço de Imigração em sua chegada à Índia. 

O visto do Nepal pode ser solicitado na chegada ao país ao custo de USD 30 por pessoa.
- O visto para o Butão é necessário, mas já está incluso no seu roteiro.   

 

IMPORTANTE

Cigarro: No Butão a venda de tabaco é proibida por lei, portanto não há locais para venda de cigarro. Cada pessoa pode entrar com 10 maços de cigarro (ou 200 unidades de cigarro), porém pagando imposto de 200% (sobre o valor do recibo da compra) na alfândega do aeroporto de Paro. Nesse caso, é necessário ter dinheiro (em espécie) para o pagamento. A moeda indiana (rupia) é aceita, porém somente em notas de 100. É necessário levar consigo o recibo de compra e apresentar a oficiais que solicitem. Não é permitido fumar em áreas públicas, como bares, hotéis, parques etc, somente em áreas designadas para tal. O guia irá orientar sobre os locais permitidos.

 


CONDIÇÕES GERAIS
* Documentação para embarque: para sua tranquilidade providencie a documentação com antecedência.
* Preços sujeitos a alterações sem aviso prévio. 
* A programação pode sofrer alterações devido a fatores climáticos, de acesso, ou outros que a operadora julgue poderem interferir na segurança ou bem estar dos viajantes.
* Não inclui taxa de embarque ou impostos.

CANCELAMENTOS E DEVOLUÇÕES

De acordo com as condições do contrato de prestação de serviço.

Entre em contato!

RESERVE OU TIRE SUAS DÚVIDAS - Ligue para 11 5088-0991 ou preencha o formulário abaixo: