Roteiro

 

 
SAÍDAS DIÁRIAS 
 
*Legenda: C=café da manhã; A=almoço; J=jantar; L=lanche de trilha 
 
1º Dia - MANAUS // JUMA LODGE - Encontro das Águas, Passeio de Canoa e Passeio Noturno (A,J)
Chegada ao aeroporto de Manaus, recepção e traslado ao Juma Amazon Lodge. O trajeto intercala carros e lanchas, totalizando 3 horas. Durante a viagem, há a probabilidade de encontro com o boto cor-de-rosa e poderemos ver também o maravilhoso Encontro das Águas dos Rios Negro e Solimões. As águas dos dois rios correm paralelas por um longo trecho, sem se misturar, até formar o Rio Amazonas. É possível sentir a diferença de temperatura entre os rios. Na chegada ao Juma, um suco de boas-vindas nos espera preparado com frutas típicas da região. Almoço com culinária regional e internacional. Saída para passeio de canoa, um tour de reconhecimento que será feito de canoa a remo pelos igarapés (riachos) e igapós (floresta inundada, mais visível durante o período da cheia dos rios). Durante o percurso, é possível nadar, ouvir os barulhos misteriosos da floresta e, com sorte, observar os botos. Retorno para o Juma. Jantar. Durante a noite, saímos à procura dos jacarés, sapos e pássaros. O guia dirige a lanterna para as margens do rio e fixa a luz num jacaré, que fica imediatamente paralisado. Seus olhos ficam vermelhos com o facho de luz, denunciando sua exata posição. Nosso guia então captura o jacaré e o coloca a bordo do barco para ser examinado. Depois, o animal é devolvido ao rio, ileso.

2º Dia - JUMA LODGE  - Amanhecer no Rio Juma, Caminhada na Floresta e Pescaria de Piranhas (C,A,J)
Iniciaremos o dia com o passeio do nascer do sol. Durante o amanhecer, observaremos as maravilhosas mudanças de cor do céu amazônico sob o canto dos pássaros (nossos guias dispõem de binóculos para a observação deles). Café-da-manhã com frutas e alimentos típicos da região. Saída para caminhada na floresta. Neste passeio, feito sempre em trilhas pouco exploradas, nosso guia passará noções de sobrevivência na floresta, fornecendo explicações sobre a vida selvagem amazônica e mostrando plantas que são comestíveis, medicinais e úteis para várias outras coisas. Retorno ao Juma Amazon Lodge e almoço com a culinária regional e internacional.  Mais tarde, saída para a pescaria de piranhas. Embarcamos em um barco para pescar a famosa piranha e também outros peixes da região amazônica. Apreciando o pôr-do-sol, retornamos para o Juma. O jantar será complementado com os peixes que  pescamos feitos à moda Amazônica. Mais tarde um dos nossos guias fará uma palestra informal contando sobre sua própria vida (nossos guias são nativos) e sobre os costumes e lendas dos ribeirinhos.
 
3º Dia - JUMA LODGE - Caminhada na Floresta e Visita à Casa de um Caboclo  (C,A,J)
Café da manhã. Saída para uma caminhada na floresta, seguida por um picnic com culinária regional feita na brasa. Depois do almoço, descanso em redes. À tarde, visitaremos uma casa de caboclo ribeirinho. Um caboclo passará conhecimentos sobre plantas medicinais e demonstrará, dentre outras coisas, como é feita a farinha de mandioca, principal atividade econômica da região. Retorno ao Juma Amazon Lodge para o jantar com culinária regional e internacional.

4º Dia - JUMA LODGE - Flutuante do Pirarucu // MANAUS (C)
Café da manhã. No retorno para Manaus, passamos pelo Flutuante do Pirarucu, local que preserva este peixe que pode atingir mais de três metros e alcançar 200 kg! Chegada em Manaus em torno de 12h, indo direto para o aeroporto ou para o seu hotel.
  
 
IMPORTANTE: RECOMENDAMOS QUE OS PASSAGEIROS DURMAM A 1ª NOITE EM MANAUS DEVIDO AO HORÁRIO DOS TRASLADOS ABAIXO. CASO OS PASSAGEIROS PERCAM O TRASLADO AO JUMA, O CUSTO DO TRASLADO EXTRA SERÁ DE R$ 869,00
 

 
INFORMAÇÃO SOBRE TRASLADOS
O traslado de Manaus para o Juma é dividido da seguinte forma:  Trecho 1: Partindo do Porto do Ceasa em Manaus até a Vila do Careiro – lancha rápida. Durante este trecho o barco passa pelo Encontro das Águas e, na volta, também pelo Flutuante do Pirarucu (60 minutos). Trecho 2: Vila do Careiro até o Rio Maçarico - veículo fretado (Rodovia BR319 Manaus - Porto Velho). Parada no caminho para ver as vitórias-régias (60 minutos). Trecho 3: Rio Maçarico até o Juma Amazon Lodge - lancha rápida. Primeiro contato mais íntimo com a floresta, passando por furos e igarapés (60 minutos). *Nossos traslados possuem todas as condições de segurança necessárias e o máximo de conforto. Os barcos são equipados com coletes salva-vidas e possuem áreas cobertas para que os turistas se protejam do sol.  
 
Saídas regulares para o Juma das 06h30 às 07h30 e às 13h30 (o pick-up varia conforme o hotel) e retorno chegando em Manaus até às 12h.  

 
POSSIBILIDADE DE REALIZAR TRASLADO EM HIDROAVIÃO. PREÇOS SOB CONSULTA. 
  
 

 
ADICIONAL 1 NOITE EM MANAUS + TRASLADO IN OU OUT + CITY TOUR DE MEIO DIA

HOTEL COMFORT MANAUS (Apto Standard)
(Hotel simples, mas confortável. Internet fraca nos apartamentos)


01.Março a 31.Dezembro.24
SINGLE - R$ 1278,00
DUPLO - R$ 747,00

HOTEL VILLA AMAZÔNIA (Apto Standard)


Janeiro.24 / Julho a Agosto.24
SINGLE - R$ 2127,00
DUPLO - R$ 1182,00

Fevereiro a Junho.24 / Setembro a Dezembro.24
SINGLE - R$ 1928,00
DUPLO - R$ 1074,00

HOTEL JUMA ÓPERA (Apto Standard Vista Jardim)


Janeiro.24 / Setembro a Dezembro.24  
SINGLE - R$ 1911,00
DUPLO - R$ 1170,00

Fevereiro a Junho.24  
SINGLE - R$ 1823,00
DUPLO - R$ 1112,00

Julho a Agosto.24  
SINGLE - R$ 2010,00
DUPLO - R$ 1234,00

 

Saídas

  • DIÁRIAS

O que inclui

INCLUÍDO: 
- Traslados Aeroporto / Juma Lodge / Aeroporto;
- 03 noites de hospedagem no Juma Lodge com pensão completa (03 cafés da manhã, 3 almoços, 3 jantares);
- Passeios conforme mencionados no roteiro;
- Kit Viagem (1)
- Seguro Viagem Nacional (consulte suplemento para maiores de 70 anos).
 
NÃO INCLUÍDO:
- Passagem Aérea;
- Bebidas;
- Despesas de ordem pessoal;
- Qualquer outro serviço não mencionado como incluído. 

Dicas & Informações

 

O QUE LEVAR:
Mochila pequena,  câmera fotográfica, shorts, camisetas, tênis (ou botinas velhas) , calça tipo jeans e/ou legging, chapéu ou boné , protetor solar, roupa para banho , repelente, óculos escuros (muito luminosidade), capa de chuva , chapéu de chuva (dento da maior floresta úmida do planeta , pode chover todos os dias em algum momento) , casaco leve  (e/ou impermeável) para mala de mão , objetos e medicamentos de uso pessoal.

 

 

MELHOR ÉPOCA:
É possível conhecer a Amazônia durante o ano inteiro, mas cada época do ano encontrará uma paisagem diferente e atrações diferentes. Porém a melhor época de ir é de maio a setembro, devido ser o período de cheias dos rios e possui menor probabilidade de chuvas.

 

 

CLIMA:
Devido a sua localização equatorial a sua temperatura varia pouco durante o ano, sendo um clima quente e úmido, temperaturas elevadas durante o dia com pancadas de chuva durante a noite, a temperatura média anual é de 28ºC, podendo variar de 21ºC a 42ºC.

 

 

VACINAS:
Consulte com antecedencia as atualizações de vacinação do destino no portal:https://www.gov.br/anvisa/pt-br/assuntos/paf/saude-do-viajante

 

 

Clima

http://www.climatempo.com.br/previsao-do-tempo/cidade/25/manaus-am

Valores

Valores por pessoa - Parte Terrestre

Deslize a tabela para os lados para ver mais valores

Hospedagem

Apartamento

Duplo

Single

Triplo

Criança

Período da Viagem

JUMA LODGE + Bangalô Vista Floresta R$ 6.294 8x R$ 787 R$ 8.341 8x R$ 1.043 R$ 5.475 8x R$ 684 R$ 2.599 8x R$ 325 + opções de datas 01/02/2024 até 30/06/2024 solicitar reserva

FORMAS DE PAGAMENTO
- Pagamento à vista: 3% de desconto, exceto sobre taxas e impostos.
- No Cartão: Entrada de 20% + 7 parcelas iguais
- No Cheque: Entrada + 7 parcelas iguais sem juros

IMPORTANTE

- Em caso de haver voos sugeridos ou incluídos nos roteiros e o passageiro optar por voos diferentes, deverão consultar o valor do traslado adicional e/ou privativo;
- Os horários de check-in variam entre as 12h e as 16h, e check out entre 11 e 14, dependendo das regras e regulamentos do estabelecimento;
- Early check-in e late check-out devem ser consultados, sujeitos à disponibilidade e cobrança de taxas extras;
- Não aceitamos pagamentos com cheques de terceiros ou de pessoa jurídica cujos proprietários não sejam os viajantes. Aceitamos pagamento com cartão de credito desde que seja do próprio passageiro ou de parente em primeiro grau, com o mesmo sobrenome;
- Não estão inclusos custos para envio de documentação e brindes fora da cidade de São Paulo. 

 
IMPORTANTE: Limite de Bagagem: 10kg por pessoa. Preferência por malas que não sejam rígidas (a bagagem extra pode ser deixada no Juma Ópera Hotel em Manaus).

 
 Observações:
- Com apenas 19 bangalôs, o Juma foi construído em terra firme sobre palafitas, na copa das árvores, totalmente integrado à Floresta Amazônica. Este procedimento é necessário para atender às épocas de cheia dos rios onde o nível da água pode subir até 15 metros. O Juma oferece ótimos recursos para um hotel de selva, aliando suas preocupações ambientais com conforto. São seis bangalôs com vista para a floresta, doze para o Rio Juma (sendo um maior, para famílias) e um panorâmico. Todos possuem varanda com rede, banheiro com água quente gerada por energia solar e ventilador (mais do que suficiente para a noite Amazônica, mais fresca que na cidade).
- Como medida profilática em relação à malária, recomendamos a aplicação de repelente nas partes expostas do corpo e usar roupas que cubram braços e pernas 
* Recomendamos tomar vacina contra febre amarela no mínimo 10 dias antes do embarque.


CONDIÇÕES GERAIS
* Documentação para embarque: para sua tranquilidade providencie a documentação com antecedência.
* Crianças menores de 18 anos que não estejam acompanhadas de pai e mãe, devem obrigatoriamente ter autorização com firma reconhecida daquele que não está presente.
* Preços sujeitos a alterações sem aviso prévio.
* Verifique com o consultor se os valores divulgados tem restrições para o mínimo de participantes.
* A programação pode sofrer alterações devido a fatores climáticos, de acesso, ou outros que a operadora julgue poderem interferir na segurança ou bem estar dos viajantes.

 
Cancelamentos e devoluções
De acordo com as condições do contrato de prestação de serviço.

Depoimentos

Amazônia
Unna, quero agradecer a todos da Freeway pois a nossa viagem a Reserva Mamirauá - Pousada Uacari foi ótima! Obrigada! Cristiane Groppo

Continue lendo

Unna,

quero agradecer a todos da Freeway pois a nossa viagem a Reserva Mamirauá - Pousada Uacari foi ótima!

Obrigada!

Cristiane Groppo

Cristiane Groppo

Amazônia
06/09/2017 - Estou plenamente satisfeita com todos os serviços da Freeway, traslados, passeios e hotel. Quero enfatizar que o guia Mario foi fantástico....

Continue lendo

06/09/2017 - Estou plenamente satisfeita com todos os serviços da Freeway, traslados, passeios e hotel. Quero enfatizar que o guia Mario foi fantástico. Não tenho o hábito de fotografar porque uso meus cinco sentidos o tempo todo. O que me proporcionou um prazer imenso. Tudo o que vivenciei durante a viagem naquele trecho da Amazônia levo agora comigo. Isso chamo de minhas memórias encantadas."    

Cristina Böhm

Cristina Böhm

Amazônia
Oi, Renata Mais uma vez, tive uma experiência deliciosa com vcs. Desde a pessoa que me atendeu,que entendeu exatamente o briefing do...

Continue lendo

Oi, Renata
Mais uma vez, tive uma experiência deliciosa com vcs. Desde a pessoa que me atendeu,que entendeu exatamente o briefing do tipo de viagem que eu queria até o lugar, o hotel, tudo.

ATENDIMENTO
Nossa viagem anterior com vcs (Boipeba) foi incrível, mas extremamente cansativa de se fazer com uma criança que na época tinha 2 anos. Tendo isso em mente, expliquei que viajaria sozinha com uma criança de 3 anos e não teria como enfrentar grandes traslados, distâncias, mudança de barco/carro/balsa, etc. A atendente sacou tudo. Me mandou pra Floresta Amazônica. Cheguei no aeroporto e o motorista já me esperava para uma viagem de cerca de 10 minutos, já com o ar condicionado ligado. E depois, um passeio de 20 minutos de barco e fim! Estávamos no hotel. Tudo muito rápido e eficiente. 

HOTEL
Fantástica localização, muita natureza envolvida, muitos bichos, muito prático. Embora os quartos fossem longe das áreas comuns (bares e restaurantes), o caminho era bem sinalizado. Poderia ser um pouco mais iluminado, mas tb não sei se isso impactaria a natureza do entorno do caminho. Nós andávamos com lanternas, mas ainda assim, as noites na floresta são escuras. Mas isso não é uma reclamação. Apenas um ponto que, se puder ser melhorado, ótimo. Se não, tá bacana. 

A comida é deliciosa. Ampla variedade de peixes, pratos, e tudo muito gostoso. Minha filha de 3 anos se esbaldou nos peixes diferentes que experimentou. 

A equipe é bastante atenciosa e carinhosa, especialmente com minha filha. Brincaram com ela, nos deixaram à vontade. 

Um parabéns especial ao jovem que me atendia no bar e fazia gins tônicas maravilhosas! 

Ah, um ponto que pode ser melhorado: o chuveiro. Não sei se por falta de pressão, a água acaba não caindo com força e tb, não fica muito fresquinho. Fica ainda muito quente. Mas, novamente, não atrapalhou em nada nossa diversão.

OS PASSEIOS
Embora eu tivesse decidido anteriormente que não faria o passeio do Encontro dos Rios Negro e Solimões, acabei optando por fazer, de última hora. Me disseram que o barco seria mais rápido, então, o passeio seria menos cansativo. Bom, foi um pouco cansativo pra Maria. Com 3 anos, ela não tinha muita paciência pra ver os pontos turísticos de Manaus. Ela só perguntava “porque o barco tinha parado”. Acho que se fosse novamente, optaria por fazer esse passeio só eu e ela + guia. Mesmo pagando um pouco mais. Assim, ela não se cansaria e tb não causaria nenhum transtorno para os outros turistas. Ela não deu trabalho nenhum, não chorou… mas não foi um prazer pra ela essa ida até o encontro. 

No meio do caminho, tivemos um imprevisto: o barco quebrou. Bem na vila de casas flutuantes. Maria até curtiu pq acabou pulando no rio junto com um outro turista (eu estava sem biquini na hora). O apoio chegou rápido e todos ficamos bem. Acidentes acontecem, mas a solução foi rápida. 

O que faltou nesse passeio foi mais contato com a natureza. Por exemplo, quebrar o barco foi até bom. Pq aí, Maria teve chance de nadar no rio. Não sei se é viável (acidentes, piranhas, jacarés, enfim…), mas vcs poderiam sugerir passeios assim: vamos de barco até um pedaço do rio onde podemos nadar. Apenas sugerindo, sem conhecer a viabilidade do passeio.

Sobre a focagem de jacarés… demais sair de noite de barco. Maria se amarrou. Tb poderíamos ter parado um pouquinho no meio do rio pra ouvir o som da noite! A floresta é linda e seus sons noturnos, altíssimos! Faltou uma contemplação desse “silêncio”. Sobre segurar o jacaré… bom, pergunta de eco-chata: causa algum trauma ou dano ao bicho? Achei o máximo ela poder ver um jacaré de pertinho, mas essa manipulação faz algum mal ao bicho? Mas pra registrar: acho o máximo ela ver tudo isso de perto. Mesmo! Conhecer para conservar! 

Os guias são muito carinhosos. O guia que nos levou para o passeio pela floresta foi bastante atencioso, especialmente quando Maria levou uma picada de marimbondo. Acidentes acontecem com quem é aventureira. Né? Ele seguiu parte do caminho de mãos dada com ela. Logo em seguida ela esqueceu da picada e voltou a se aventurar. 

A pescaria foi fantástica. Ela pescou 2 piranhas e a cereja do bolo foi o jacaré Iuri que apareceu pra comer uma das piranhas que ela pescou. Experiência fantástica. 

PRÓXIMA VIAGEM

Em outubro mesmo, se tudo der certo. Volto a entrar em contato em breve! 
Já pensem num destino fácil de chegar, com natureza, seguro pra uma mãe e sua filha de 3 anos! 

 

Juliana Carolina

Entre em contato!

SOLICITE SUA RESERVA OU TIRE SUAS DÚVIDAS

Aceito receber as comunicações da Freeway por e-mail.

Baixe o PDF