Roteiro

URUGUAY SUPREME – GRUPO FREEWAY
11 dias / 10 noites - 15/11 a 25/11/2024
 
 
*Legenda: (C) = café; (A) = almoço; (J) = jantar; (D) = degustação de vinhos e/ou azeites
 
 
1º Dia - 15/11 – SEX – SÃO PAULO / MONTEVIDEO – AR FRESCO MARINHO – MERCADO – VISITA GUIADA AO PALÁCIO LEGISLATIVO 
Embarque cedo em São Paulo para Montevideo.
Chegada na capital do Uruguay às 10h. Daqui seguimos pela Rambla que começa a acompanhar o caminho desde próximo ao aeroporto, passando por Canelones, até Montevideo.
Chegando a Montevideo paramos para caminhar um pouco ao longo da rambla, na altura de Pocitos, à beira do rio-mar da Prata. 
Primeiros ares frescos e contatos com esta bela cidade.
Daqui seguimos ao Mercado do Porto, com seus restaurantes a céu aberto em meio a ruelas charmosas, onde iremos fazer nosso almoço.
Depois do almoço vamos fazer check in em nosso hotel para um descanso necessário, pois havíamos acordado de madrugada para o voo pela manhã.
Após  descanso saímos para uma visita ao Palácio Legislativo, um ícone arquitetônico de Montevideo, onde faremos uma visita guiada por seus interiores, conhecendo os plenários da Câmara e do Senado.  
Depois da visita retornamos ao hotel.
Descanso. Jantar.
Noite livre (para assistir um espetáculo no emblemático Teatro Solis, ou no Auditorio del Sodre, ou para ir ao Bar Fun Fun e apreciar música incluindo o tango, etc ... ou simplesmente descansar). 

2º Dia - 16/11 – SÁB - MONTEVIDEO / DESCOBRINDO / MESAS NAS CALÇADAS DO MERCADO DO PORTO / BAILE DE SÁBADO NO MERCADO AGRÍCOLA - (C)
Pela manhã vamos fazer um city tour pelos principais pontos da capital uruguaia, como a Plaza Independência, marco histórico de Montevideo.. Uma linda praça que nos mostra o por quê do Uruguai ter sido (e ainda ser) um dos grandes países da América do Sul, com prédios ao redor que são imponentes, como o Palácio Salvo, o Palácio Estevez, a Torre Executiva, a Estátua e o Mausoléu Artigas. Aqui vai muito bem um cafezinho nesta praça.
Daqui caminhamos um pouco pelas ruas que nascem dela, passamos pelo Teatro Solis,  descobrindo aqui a conexão entre a cidade velha (vieja) e a cidade nova desta tranquila capital.
Depois seguimos novamente à região do Mercado del Puerto, para agora sim aproveitar e passear por suas gostosas ruelas, com restaurantes e bares com mesas na calçada, e vistas para o rio-mar…
E aqui escolhemos um dos restaurantes que temos vontade de experimentar, sentando-nos junto a estas mesas nas calçadas.
Temos tempo para ir descobrindo suas curiosidades, seus alfajores, suas empanadas ....
No meio da tarde regressamos ao hotel para descansar .... e nos prepararmos para conhecer um pouco da noite de Montevideo.
Saímos à noite para o Mercado Agrícola. Trata-se de uma estrutura arquitetônica de beleza ímpar, completamente restaurada mas mantendo a construção original que remete às estações ferroviárias da Alemanha ou França, cujo interior foi ressignificado nos últimos anos, transformando-se num mercado de frutas, comidinhas e cafés .... e onde, depois de uma bela volta por suas lojinhas vamos ver como ele transforma uma de suas áreas em uma pista de dança para todos! Vamos ver os uruguaios bailando .... e quem sabe, nós também!
Depois desta experiência tão inusitada, e tão local, podemos fechar nossa noite no Bar Fun Fun, ou em algum outro local que esteja oferecendo uma boa proposta para esta noite de sábado. 

3º Dia - 17/11 – DOM – MONTEVIDEO / SAN CARLOS / PUNTA DEL DIABLO / FORTALEZA / PÔR DO SOL NA LAGUNA NEGRA - (C)
Após o café da manhã vamos tomar a direção do litoral norte do Uruguai.
Nossa primeira parada será na histórica cidadezinha de San Carlos. Onde veremos, em sua praça principal, uma igreja singular, a Paróquia de San Carlos , do tempo dos espanhóis ( e dos portugueses ), extremamente conservad e tocante por sua simplicidade arquitetônica. 
Aqui paramos também para um bem curtido cafezinho e uma deliciosa empanada.
Após essa pausa estratégica continuamos subindo rumo norte, próximos à costa.
E chegamos ao destino Punta del Diablo. Um destino que outrora era apenas uma praia de pescadores.
Almoço tardio no centro do antigo vilarejo de pescadores.
Primeiros contatos com a praia e o mar. 
No meio da tarde vamos conhecer a linda Fortaleza de Santa Tereza. Em meio a um verde encantador. Extremamente bem cuidada, com um delicado museu-representação de personagens da época. Lugar lindo para caminhar, chegar a suas muralhas, observar o infinito próximo e distante.
Ao entardecer cruzamos a rodovia que lhe acessa e nos dirigimos à Laguna Negra. Um lugar muito especial para apreciar o pôr-do-sol, rodeados que nos encontramos por árvores retorcidas, com uma avifauna especial, e por uma imensidão da água à nossa frente. Lugar de sentar, relaxar, se dar tempo para apreciar o sol baixar no horizonte à frente.
Depois, retorno a Punta del Diablo. 
Check in em nosso hotel.
Jantar.

4º Dia - 18/11 – SEG – PUNTA DEL DIABLO / O NOSSO ARROYO CHUI / CIDADE DE FRONTEIRA CHUÍ / PARQUE NACIONAL SANTA TEREZA / PÔR-DO-SOL - (C, A)
Após o café da manhã frente ao mar saímos mais para o norte, até a fronteira com o Brasil. Aqui iremos conhecer aquilo que sempre aprendemos na escola, o ponto mais meridional do Brasil, o Arroio Chuí. Vamos ver com nossos próprios olhos o ponto que delimita ao sul do nosso grande país. 
Daqui seguimos à cidade de Chuí, na fronteira dos dois países. Porto livre. Aqui temos uma horinha para visitar alguns free shops que oferecem uma grande gama de produtos de qualidade e marca a preços bem convidativos.
Almoço em Chuí brasileiro.
No início da tarde regressamos da fronteira em direção a Punta del Diablo, parando agora num dos mais apreciados locais desta região do litoral norte do Uruguai: o Parque Nacional Santa Tereza, em Rocha.  Administrado pelo exército uruguaio, é um belo parque nacional.
Esse parque nacional oferece uma série de atrativos, primeiramente com sua mata costeira protegida, depois, com o acesso a praias desertas (Playa La Moza e Playa Del Barco).
E depois, com uma interessante estufa de plantas da região .... e ao lado, aquários junto a estas estufas .....tudo compondo o Invernáculo, o Sombraculo e o Jardim Uruguayo ... O parque também conta com um restaurante e uma lojinha. E até um mirador para se avistar baleias!
No meio da tarde vamos retornar a Punta del Diablo. E para a volta oferecemos duas opções: a 1ª, retornar com nosso veículo; a 2ª, caminhar pelas praias, durante cerca de hora e meia, até nosso hotel na Punta del Diablo. E agora nossa proposta é admirar o pôr-do-sol neste local único. Jantar.

5º Dia - 19/11 – TER – PUNTA DEL DIABLO / CABO POLONIO / BOSQUE DOS OMBUES / LA PALOMA - (C, A)
Hoje, após o café da manhã, vamos fazer o check out de nosso hotel e seguir em direção sul, para o Parque Nacional de Cabo Polônio. 
O fotógrafo Stéphane San Quirce descreve Polonio com uma beleza enigmática como “uma ilha perdida entre o Oceano Atlântico e um mar de dunas de areia”.
Não é o que Cabo Polonio tem – suas enormes praias desertas, ilhas rochosas repletas de focas, leões, lobos marinhos e pequenos barracos coloridos – mas o que ele não tem é que o torna único. Não há eletricidade, nem água encanada, nem TV, nem carros, nem ruas.
Lembra Jericoacoara nos anos 80 .... mas muito mais protegida!
Chegando à entrada do parque nacional nosso veículo estaciona e embarcamos em caminhões altos, estilo safari, num passeio de 30 minutos atravessando as dunas e depois a Praia Sur. 
Depois dessa deliciosa aventura por entre essas áreas protegidas, chegando ao mar, começamos a ver as casinhas rústicas, praianas, e o farol.
Pelo fato do Cabo Polônio ter se transformado em parque nacional, o acesso com carros particulares 4x4 é proibido, sendo liberado apenas para os moradores.
Chegamos à ponta do farol, que divide a área em duas praias.
O farol também abriga uma reserva de lobos e leões marinhos. Centenas de exemplares se espalham, tomando sol, pelas rochas que se estendem do farol ao mar.
Passeamos pelo farol, pelas praias, pela pequena vila.
Aqui almoçamos à beira-mar nesse ambiente tão fresco, ventilado e inspirador.
Lugar de curtir, relaxar, se deliciar.
No meio da tarde retornamos com o caminhão à entrada do parque.
E aí vamos nos dirigir para nosso próximo passeio: o Bosque de Ombues (Floresta de Umbus).
A palavra ombú provém do guarani –umbu- e suas espécies de árvores são originárias do Paraguai e de Misiones, na Argentina. Rodeando a Laguna de Castillos, encontramos o maior agrupamento de ombues na região do Prata, e o Bosque de Ombues se estende por uma faixa de 20 km. 
Os umbus multisseculares convivem com várias outras espécies, como micreiros, corticeiras, espinilhos, arrayanes, entre outras, e com a envira, uma planta com a qual os índios faziam amarras quando eram mordidos por víboras venenosas. 
Nosso passeio se inicia embarcando em barcos no Arroyo de Valizas e navegando calmamente em meio a uma paisagem muito bucólica. No passeio, serpenteando por cerca de 5 km pelo rio, poderemos ter a sorte de apreciar, entre os palmares, algumas dentre estas espécies de aves: patos, garças brancas e mouras, tachãs, quero-queros, cegonhas e flamingos, ou outros.
Chegando ao Rincon dos Oliveira desembarcamos e começamos uma caminhada pelo bosque. 
A caminhada é leve e plana, em meio aos umbus, que são conhecidos pela sombra generosa que oferecem. Aqui perceberemos a calma e a paz, temperados pelo som dos pássaros e por um delicioso aroma de goiaba branca. 
Os troncos dos ombues são largos, a altura pode chegar a 15 metros e alguns têm 500 anos de idade. Aprenderemos que quanto mais antiga é a árvore, mais amplo é o seu espaço interior. 
Ao entardecer retornamos de barco pelo arroyo. 
E buscamos avistar o pôr-do-sol desse local insólito.
Depois embarcamos em nossa van / micro, seguindo agora em direção a La Paloma.
Chegada a La Paloma. Check in em nosso hotel.
Jantar.

6º Dia - 20/11 – QUA - LA PALOMA / LA PEDRERA / FAROL / PORTO / PÔR DO SOL NA LAGUNA DE ROCHA ( C )
Após o café da manhã vamos seguir à praia de La Pedrera. La Pedrera é talvez a cidade litorânea mais verde do departamento de Rocha, empoleirada sobre uma varanda rochosa com vista para duas praias douradas. Antigamente era conhecida como Punta Rubia, ponta dourada. Foi assim que os marinheiros saudavam as suas areias. Hoje em dia leva o nome das formações rochosas de estilo barroco com seis milhões de anos que separam Playa del Barco de Playa Desplayado. Tiramos muitas fotos de seu mirante na divisa das duas praias. O lugar é muito bom para desfrutarmos da praia. De relaxarmos. Para aproveitarmos a manhã. 
Almoço.
No início da tarde seguimos ao Farol Santa Maria. Vamos visitá-lo por fora e por dentro, para aqueles que se dispuserem a subir os 150 degraus.
Depois desse passeio vamos caminhar um pouco pelo porto, através de sua passarela suspensa que nos leva mar adentro.
Tempo livre.
No meio da tarde seguimos para a Laguna de Rocha para admirar o pôr-do-sol das areias que a circundam. Lugar de uma beleza exuberante.
Esta enorme lagoa se estende até onde a vista alcança e está milagrosamente separada do Oceano Atlântico por apenas uma fina faixa de areia. A lagoa é muito rasa e abriga uma enorme diversidade de fauna, incluindo um dos maiores bandos de cisnes de pescoço preto, lontras e capivaras do mundo.
Durante a temporada do camarão, os moradores locais servem camarão e cerveja em uma cabana pintada em cores vivas.
O local é ideal para caminhar, nadar e observar pássaros. E será o local ideal para admirarmos o pôr-do-sol.
Depois desse passeio retornamos ao hotel.
Jantar.

7º Dia - 21/11 – QUI – LA PALOMA / BODEGA ALTO DE LA BALLENA / FUNDAÇÃO PABLO ATCHUGARRY / PUNTA DEL ESTE  / PÔR-DO-SOL / CASINO - (C, D)
Após o café da manhã vamos deixar La Paloma e seguir em direção à Bodega Alto de La Ballena. Aqui faremos uma visita e desfrutaremos de uma degustação de alguns dos mais afamados vinhos uruguaios.
Depois seguimos a Punta del Este, passando pela Fundação Pablo Atchugarry. 
O espaço da Fundação Pablo Atchugarry , de uma arquitetura belíssima, está situado em um lindo espaço verde, com obras de arte espalhadas em meio a seus magníficos jardins. 
O espaço é incrível. O parque das esculturas já existia e já valia a visita, mas com a criação do MACA, Museu de Arte Contemporânea, ficou ainda mais imperdível. Só a arquitetura do MACA já é digna da visita. No seu interior, exposições belíssimas de artistas uruguaios e internacionais, entre eles o brasileiro Vik Muniz. E claro, do Pablo Atchugarry, grande escultor. A parte externa também oferece um passeio lindo, e um dos destaques é a bela capelinha com a Pietá de Atchugarry. 
No local há um café, loja, e muitas obras. Lembra o museu ao ar livre Hakone, no Japão, e o nosso Inhotim, em Brumadinho. O parque também dispõe de carrinho de golf (com bom tempo), para quem não quiser caminhar. 
Após essa visita tão estimulante sensorialmente vamos chegando a Punta. Passaremos por uma ponte pitoresca, a ondulada ponte La Barra. Com suas suaves curvas de montanha-russa, que conectam La Barra a Punta del Este, sobre o rio Maldonado. O poeta chileno Pablo Neruda ficou tão encantado com seu desenho feminino que compôs uma ode à ponte.
Chegamos a Punta e ao nosso hotel. Check in. No final da tarde a dica é passear pelas Ramblas de Punta, em suas praias Brava e Mansa.
Pôr do sol em Punta del Este.
No fim do dia vamos conhecer o Casino Enjoy de Punta del Este. 

8º Dia - 22/11 – SEX – PUNTA DEL ESTE / MANHÃ LIVRE EM PUNTA / ARBORETUM E CASA PUEBLO  / PÔR-DO-SOL - (C)
Após o café da manhã teremos a manhã livre para atividades de nossa escolha.
Após o almoço vamos sair para conhecer o Arboretum Lussich. 
Local de natureza inspiradora, e com várias opções de trilhas para caminhar. 
Há um museu com duas exposições logo na entrada (uma sobre sobre o Arboretum e a outra sobre azulejos) e depois há opções de trilha, uma de 1 km e outra de 3 km. A nosso gosto. É possível também  ir apenas ao primeiro mirador e voltar.
O Arboretum Lussich, conhecido também como El Bosque de Lussich, é uma reserva florestal de 1800 hectares idealizada por Antonio Lussich (1848-1928), e que abriga mais mais de 400 espécies de árvores e arbustos trazidos de diversas partes do mundo.
Em 1896 Antonio comprou um terreno de 4.447 acres (1.800 ha), que se estendia de "Arroyo el Potrero" à "Sierra de la Ballena" e do Rio de la Plata à Laguna del Sauce, terreno que naquela época consistia apenas de dunas de areia e pedras. Um investimento meio controverso onde o vento faz a curva, um terreno pedregoso, declaradamente infértil. No ano seguinte, Antonio Lussich iniciou os trabalhos florestais que tinham como objetivo, por um lado, florestar as terras secas na tentativa de conter os ventos fortes que vinham do oceano, e por outro, uma vez estabelecida a floresta, incentivar as aves para habitá-la. Para isso, Antonio Lussich, graças a seus contratos de resgate marítimo obtidos em todo o mundo, conseguiu obter sementes de vários continentes. Ele comprou sementes, plantas e árvores de todo o mundo e plantou-as em sua casa. As primeiras árvores plantadas foram tamarix, pinheiros-marinhos, eucaliptos e acácia trinervis, todas para resistir aos ventos fortes e à areia. 
Depois desse passeio por esta exuberante natureza, vamos nos deslocar alguns poucos quilômetros e, na próxima Punta Ballena, cidadezinha vizinha a Punta, vamos conhecer a Casapueblo, uma das atrações mais incríveis da região de Punta del Este. 
Construída para ser a "escultura habitável" do artista Carlos Páez Vilaró, funciona hoje como museu, galeria, hotel, cafeteria e restaurante.
A construção se apoia em um rochedo à beira do Rio da Prata em Punta Ballena, num promontório junto ao mar. Em razão do lugar que ocupa, das suas formas e da cor da pintura, branca, sua arquitetura é comparada com a das ilhas gregas. Mas essa nunca foi a intenção de Vilaró, que se sentia um passarinho enquanto modelava à mão as paredes da sua casa e ateliê. "Peço perdão à arquitetura por minha liberdade de joão-de-barro", dizia ele.
Falecido ali na Casapueblo em 2014, Vilaró viajou o mundo e fez amizade com grandes artistas, como Pablo Picasso, havendo inclusive um cantinho dedicado a ele na Casapueblo.  Vilaró também fez muita amizade com Vinicius de Moraes – ambos se diziam irmãos - e brincavam que eram "budas de bermudas". Numa das vezes que o poeta e cantor brasileiro se hospedou ali, escreveu aquele poeminha infantil famoso: "era uma casa muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada". A letra foi musicalizada depois por Toquinho.
Escolhemos esse local especial para assistir o pôr-do-sol.
Retorno a Punta e a nosso hotel.
Jantar.

9º Dia - 23/11 – SAB – PUNTA DEL ESTE / RAMBLA DE PIRIÁPOLIS / COLONIA DEL SACRAMENTO - (C)
Após o café da manhã vamos a nosso último desfrute das praias de Punta.
Em seguida fazemos check out de nosso hotel e vamos rumar para a próxima cidade praiana de Piriápolis.
Aqui passeamos por sua rambla.
Lugar ideal para um sorvete ou café.
Daqui vamos tomar o rumo de Colonia del Sacramento, almoçando no meio do caminho.
Chegamos à tarde à Colônia. Linda cidade à beira do Rio da Prata, que é praticamente um mar, com suas construções coloniais preservadas, de grande beleza, uma cidade protegida como Patrimônio Mundial pela UNESCO.
Check in em nosso hotel.
Depois vamos passear a pé pelo lindo centro histórico da cidade.
A iluminação da cidade à beira do Rio da Prata, sua harmonização com as construções históricas do período colonial, fazem dela uma das atrações mais lindas de todo o Uruguai.
Jantar nesta cidadezinha tão inspiradora e lindinha.

10º Dia - 24/11 – DOM – COLONIA DEL SACRAMENTO / BODEGA VIÑEDOS Y OLIVARES DEL QUINTON - (C, D)
Após o café da manhã vamos passear e caminhar pela Rambla que acompanha o Rio-Mar da Prata. Um passeio delicioso beirando o majestoso rio, por seu calçadão.
Após esse passeio matinal vamos conhecer a Plaza de Toros, que se transformou numa arena de espetáculos teatrais e de música.
Depois disto vamos conhecer a feirinha dominical de Colonia, seus produtos típicos, queijos deliciosos, artesanatos ...
Almoçamos no centrinho de Colonia.
No meio da tarde vamos desfrutar de uma visita aos vinhedos e olivares Del Quinton, nas pradarias verdejantes nas cercanias de Colonia. Aqui faremos uma visita aos olivares e vinhedos e teremos uma degustação de azeites e vinhos.
No final da tarde retornamos ao centrinho de Colonia para curtir mais um pouco esse local delicioso.
Jantar no centrinho de Colonia.

11º Dia - 25/11 - SEG – COLONIA DEL SACRAMENTO / FERRY RIO DA PRATA / BUENOS AIRES / SÃO PAULO ( C )
Após o café da manhã vamos fazer check out de nosso hotel, nos prepararmos para dizer adeus ou até logo ao Uruguai e vamos embarcar num ferry rápido que atravessa o Rio da Prata e em menos de uma hora e meia nos deixa em Puerto Madero, em Buenos Aires, onde chegamos às 11h30.
Passeamos por esta bonita orla da capital argentina.
Almoço em Puerto Madero.
Temos a tarde para passear em Buenos Aires.
À noite seguimos ao aeroporto para embarque em voo com destino a São Paulo.
(existe a opção de adicionar uma ou mais noites em Buenos Aires).


 
HOTÉIS PREVISTOS OU SIMILARES

MONTEVIDEO - Smart Hotel Montevideo
PUNTA DEL DIABLO - Ocean View Hotel
LA PALOMA - UY Proa Sur Hotel
PUNTA DEL ESTE - Atlantico Boutique 
COLÔNIA - Hotel Dazzler Wyndham 

VOOS SUGERIDOS - GOL

GOL7630 15NOV Guarulhos     (GRU)  Montevideo (MVD) 0925 1210 
GOL7685 25NOV Buenos Aires (AEP)  Guarulhos   (GRU) 1800 2050

Valor referência: USD 578,00 + USD 115,00 de taxas de embarque
Franquia de bagagem - 01 mala de 23kg + 01 mala de mão
Valores sujeitos a alteração e disponibilidade.
 
Nota: Para os passageiros que emitirem o aéreo por conta própria, o voo deve ter sua chegada e saída prevista de acordo com os voos apresentados acima. Caso tenha horários diferentes destes será necessário a cobrança de traslado adicional. (sob consulta).  

Saídas

  • 15

    Nov

    2024

O que inclui

INCLUÍDOS:
- Transporte terrestre em van ou micro-ônibus;
- 2 noites de hospedagem em Montevideo no Smart Hotel Montevideo ou similar;
- 2 noites de hospedagem em Punta del Diablo no Ocean View Hotel ou similar;
- 2 noites de hospedagem em La Paloma no UY Proa Sur Hotel ou similar;
- 2 noites de hospedagem em Punta del Este no Atlantico Boutique ou similar;
- 2 noites de hospedagem em Colônia no Hotel Dazzler Wyndham ou similar;
- 2 degustações vinícolas em Bodegas;
- 2 refeições;
- Ingresso na Casapuebla;
- Ingressos nos Parques Nacionais e Fortalezas;
- Passeio de barco ao Bosque dos Ombues;
- Ingresso do Ferry boat para Buenos Aires;
- Guias;
- Seguro;
- Brinde Freeway.

NÃO INCLUÍDOS:
- Demais refeições não incluídas acima;
- Bebidas;
- Extras.



Valores

Valores por pessoa - Parte Terrestre

Deslize a tabela para os lados para ver mais valores

Hospedagem

Apartamento

Duplo

Single

Triplo

Criança

Período da Viagem

Apartamento U$ 2.790 10x U$ 279 U$ 3.690 10x U$ 369 15/11/2024 até 25/11/2024 solicitar reserva

FORMAS DE PAGAMENTO
- Pagamento à vista: 3% de desconto, exceto sobre taxas e impostos.
- No Cartão: Entrada de 20% + 9 parcelas iguais
- No Cheque: Entrada + 9 parcelas iguais sem juros

IMPORTANTE

– Viajando sozinho?
Para aqueles passageiros que querem compartir apartamento, oferecemos a possibilidade de reservar apartamento duplo compartindo com outro passageiro Freeway. Se ao final das inscrições não houver outro passageiro para compartir, será cobrado um suplemento de single involuntário de USD 450,00. (Esta condição vale somente para mulheres)

Documentação necessária – Para Brasileiros: 
Passaporte com validade mínima de 6 meses além da data do final da viagem, com mínimo de 02 páginas em branco, lado ao lado ou carteira de identidade em boas condições e emitida há menos de 10 anos. 
É obrigatória a apresentação do cartão de vacinação internacional contra a febre amarela. A vacina deve ser tomada com pelo menos 10 dias de antecedência da data da viagem.
 

CONDIÇÕES GERAIS

* Documentação para embarque: para sua tranquilidade providencie a documentação com antecedência.
* Crianças menores de 18 anos que não estejam acompanhadas de pai e mãe, devem obrigatoriamente ter autorização com firma reconhecida daquele que não está
presente.
* Preços sujeitos a alterações sem aviso prévio.
* A ordem dos passeios não será obrigatoriamente a descrita no roteiro.
* A programação pode sofrer alterações devido a fatores climáticos, de acesso, ou outros que a operadora julgue poderem interferir na segurança ou bem estar dos viajantes.
* Não inclui taxa de embarque ou impostos.

  

Cancelamentos e devoluções
De acordo com as condições do contrato de prestação de serviço.   

 

Depoimentos

Uruguai
A viagem para o Uruguai foi ótima, impecável. Tanto no auxílio  da agência aqui, como em Montevidéu. Em Montevidéu, eles até...

Continue lendo

A viagem para o Uruguai foi ótima, impecável. Tanto no auxílio  da agência aqui, como em Montevidéu. Em Montevidéu, eles até tiveram a delicadeza de deixar presentes (um doce de leite e um azeite) para nós no hotel. A escolha do hotel foi muito boa - lugar privilegiado. E os passeios foram pontuais e os guias muito bons. 

Agradeço o ótimo tratamento de vocês, em particular da Patrícia, sempre atenciosa;

Abs

Martha França

Entre em contato!

SOLICITE SUA RESERVA OU TIRE SUAS DÚVIDAS

Aceito receber as comunicações da Freeway por e-mail.

Baixe o PDF