Blog

Chapada Diamantina - Onde fica, Cidades e Atrativos

Separamos um guia com algumas informações para ajudar você a organizar uma viagem para a Chapada Diamantina. 

 

Onde fica a Chapada Diamantina?

A Chapada Diamantina fica bem no coração da Bahia, sertão onde nascem alguns dos principais rios da bacia hidrográfica baiana.

A região de serras é protegida ainda pelo belo Parque Nacional da Chapada Diamantina e é um dos melhores destinos de ecoturismo do Brasil.

 

A diversidade da Chapada Diamantina

O Parque Nacional da Chapada Diamantina é detentor da  mais qualitativa amostra da natureza de nosso país:  montanhas, vales, desfiladeiros, cavernas, grutas, serras, rios, lagos, nascentes, piscinas naturais, cachoeiras, canyons e uma fauna das mais variadas

Uma pitadinha da ambientação: paredões rochosos erguidos sobre mata atlântica, cerrado e caatinga. Não há como eleger sua paisagem mais bonita sem cometer injustiça, tamanha fartura de atrações e cenários naturais. 

Os casarões do período colonial, que  marcaram a fase histórica de exploração dos diamantes são itens importantes neste visual. Um sonho que virou realidade no coração da Bahia.

A região é composta por 24 municípios, cada lugar tendo uma peculiaridade, sua própria identidade, e atrações únicas. 
 

Lençóis, a capital da Chapada Diamantina

A cidade é o principal destino para fazer o turismo pela Chapada Diamantina, que apesar de ser grandiosa e abarcar diversos municípios e vilarejos incríveis, é de onde saem os principais passeios.

A cidade é antiga, com um belo centro histórico e remonta a época dos garimpos. A origem do nome é atribuída tanto as formações dos lençóis d’água, quanto aos lençóis que eram estendidos pelas famílias garimpeiras.

Está localizado no eixo norte da Chapada e tem uma grande área comercial, com boas opções hospedagem e principalmente gastronômicas.


 

Caeté Açu, o místico Vale do Capão

O popular Vale do Capão, que originalmente chama-se Caeté Açu, fica no município de Palmeiras e  é um destino envolto de toda uma mística. 

Muitos viajantes alternativos procuram o vilarejo para um contato profundo com a natureza, um recanto esotérico e com uma pluralidade de expressões alternativas, espirituais de vários lugares do mundo.

Ponto de partida para alguns passeios tradicionais como a Cachoeira da Fumaça, se você curte sossego em ambiente descolado vale a pena hospedar-se lá

 

Igatu, a Machu Picchu brasileira

Igatu é uma das cidades mais misteriosas da Chapada Diamantina, localizada no alto de uma formação montanhosa, a vila é também chamada de Machu Picchu brasileira.

A vila foi um importante polo de garimpo no século XIX, que hoje exibe diversas outras vilas de pedras abandonadas após períodos de secas e doenças, além do declínio garimpeiro na região.

Vale a pena conhecer o charme, cachoeiras e o grande sítio arqueológico do local.

 

Mucugê

A cidade de Mucugê, também tombada pelo IPHAN, localiza-se ao sul da Chapada Diamantina. E também tem uma forte história no garimpo, com um museu que conta um pouco desses detalhes. 

É pequena, charmosa e muito tranquila.Pode ser ponto de partida para alguns passeios como a Cachoeira do Buracão, o Poço Azul e Poço Encantado. 

 

Algumas das atrações:

Conheça algumas atrações que separamos dentro da Chapada Diamantina

 

Morro do Pai Inácio

Se tem uma atração que você não pode deixar de ir quando visitar a Chapada Diamantina, é o Morro do Pai Inácio.

Esse é um local que guarda muitas histórias, que naturalmente foram sendo repassadas por aqueles que habitam a região há tempos. A mais predominante delas, é a história de um escravo, chamado Inácio, que se apaixonou e teve um envolvimento com a filha de um fazendeiro rico, a qual com o tempo engravidou.

Uma historia de amor proibido e busca por liberdade em um dos cenários mais incríveis de toda Chapada Diamantina, com uma vista de 360 graus, e o melhor pôr do sol, que com sua luz dourada ilumina todos os paredões em volta.

 

Cachoeira da Fumaça

A Cachoeira da Fumaça é uma atração para os amantes de aventura, aqueles que gostam de trilhas mais intensas e que tem um bom preparo físico. Ao total são 12 km de caminhada, ida e volta, e com uma subida inicial de 2 km que faz qualquer um suar muito.

O ponto de chegada é aos mirantes que dão vista aos 340 metros de queda d’água, local surpreendentemente lindo, com paredões repletos de vegetação. Uma vista que vale a pena toda a caminhada. 

Essa é uma das maiores cachoeiras do Brasil, que a depende da época do ano vira uma grande queda d’água, ou gostas que viram fumaça ao despencar de tantos metros.

São duas possibilidades de trilha a serem feitas, uma por cima com toda sua maravilhosa vista, e a outra por baixo, com um percurso um pouco mais longo, de 36 km que é feito em 3 dias. 

 

Cachoeira Poço do Diabo

A cachoeira Poço do Diabo é uma das atrações de mais fácil acesso, e com uma trilha de nível leve e bem rápida. Durante o caminho, passa pelo Rio Mucugezinho, que já traz todo um visual entre as pedras. 

Como na foto acima, o primeiro contato com a cachoeira Poço do Diabo, é através dessa vista de cima, sendo a última parte do trajeto a descida, dando de encontro no final com o poço escuro, cor de coca cola, e muito gelado!

A explicação para a cor das águas da Chapada Diamantina é a concentração de matéria orgânica que ela carrega, sendo um ótimo banho de bem estar.


 

Cachoeira do Riachinho

A Cachoeira do Riachinho fica bem próxima da Cachoeira da Fumaça, o que acaba sendo muito comum de se fazer essas duas atrações em um mesmo dia. A dica é, fazer a Cachoeira da Fumaça primeiro, que demanda um maior preparo e uma boa caminhada, e depois finalizar o dia no Riachinho.  

A Cachoeira do Riachinho é de fácil acesso, e quase não se tem trilha, então é simplesmente chegar, e se jogar nas águas. E o melhor de tudo é a vista que ela oferece, sendo inclusive um dos pontos de encontro para se curtir um maravilhoso pôr do sol. 

 

 Gruta Lapa Doce 

Nem só com Cachoeiras nos surpreende a Chapada Diamantina, tem também belezas únicas, que ficam bem abaixo dos nossos pés, como a Gruta da Lapa Doce. 

Uma viagem ao mundo subterrâneo, que começa com uma simples caminhada por meio de uma vegetação de caatinga, com árvores típicas da região, como o cacto e o umbuzeiro, conhecido inclusive por seu delicioso fruto umbu. Não deixe de provar. 

Normalmente o trajeto até a Gruta é feito com um guia local, a trilha é de nível leve, tendo apenas uma descida íngreme ao final. O passeio pela gruta se dá por diferentes cenários e salões, onde se encontra a cada passo algo completamente único para se observar. 

Cada visitante recebe uma lanterna para explorar todo o interior, que parece um verdadeiro museu natural, sendo proibido apenas o toque nas obras feitas pela natureza ao decorrer de milhões de anos. Entre elas, então as mais diversa formações de rochas calcárias, estalagmites, estalactites, e espeleotemas.  

Se prepare para sair uma nova pessoa de lá..

 

Parque Muritiba

O Parque da Muritiba fica dentro da cidade de Lençóis, um local de super fácil acesso, onde as pessoas chegam normalmente caminhando do centro da cidade. O legal desse Parque Natural é que ele tem várias atrações disponíveis, onde você pode escolher conhecer tudo em um único dia, que se dá em cerca de 4 horas, ou simplesmente curtir uma única parada. 

O primeiro ponto logo ao chegar é o adorado Serrano, onde se encontra vários poços espalhados para se banhar, e melhor de tudo é que tem até hidromassagem natural.

A segunda parada é no Salão de Areias Coloridas, local onde se encontra rochas de diferentes cores, e da onde se era extraído areias para a produção de artesanatos. O salão já foi inclusive cenário de gravação de novela.

Seguindo o trajeto tem ainda o Poço Halley e a Cachoeira da Primavera para se banhar, cada uma com a sua característica, sendo sempre um convite para entrar. 

As duas últimas atrações do Parque ficam por conta do Mirante de Lençóis, onde em um ponto mais alto se tem uma maravilhosa vista da região, e a Cachoeirinha com um poço de águas claras.

 

Pantanal de Marimbus

A Chapada Diamantina é realmente um dos lugares mais impressionantes do Brasil, a cada atração você descobre uma vegetação e um bioma diferente, tudo no mesmo lugar e em pura conexão. 

Um desses lugares impressionantes é o Pantanal Marimbus, que está localizado entre os municípios de Lençóis e Andaraí, mas que fica aos cuidados da Comunidade Quilombola do Remanso. Que é inclusive reconhecida como um patrimônio cultural pelo Ministério da Cultura, com sua origem datada da década de 20.

O passeio se inicia com todo esse contato com a Comunidade, e prossegue aos preparos da descida de barco pelo rio, onde se tem um ótimo momento de interação com a natureza local, e as mais diversas espécies de plantas, flores, e aves. O trajeto só acaba quando descobrimos estar perto da Cachoeira do Roncador, onde se encontra vários poços deliciosos para se banhar de alegria.
 

Olhos D’água

Olhos D’água é o nome dado a uma nascente a céu aberto onde se forma uma lagoa de água cristalina, um ótimo passeio para se fazer com as crianças. É inclusive obrigatório e oferecido o colete de segurança e as máscaras de mergulho. 

Esteja pronto para nadar entre muitos peixinhos, e em dias de sorte grande é possível se ver até tartarugas. Cuidado apenas com o perigo, de não querer ir embora!

 

Cemitério Bizantino

Se você achou que já tinha visto de tudo na Chapada Diamantina, se prepara ao chegar na cidade de Mucugê. Logo em uma das entradas da cidade há um Cemitério Bizantino que sempre chama a atenção de quem ali chega. 

O Cemitério é uma curiosa construção do século 19, a obra foi realmente concluída no ano de 1886, e deixa como marca as suas sepulturas brancas, que se assemelham a miniaturas de fachadas de igrejas e capelas. 

Além de todo o seu estilo gótico, o cemitério tem atrás um paredão de rochas que durante a noite, com toda a sua iluminação colocada, vira um verdadeiro cenário de filme. 

 

Viaje com a Freeway

A Freeway opera há décadas na Chapada Diamantina e conta com a melhor estrutura receptiva da região. Você vai se encantar com o nosso anfitrião Kikiu e toda equipe que irá te guiar pelas melhores trilhas e caminhos