Blog

Turismo na Costa Rica - O que fazer e dicas para a sua Viagem

 

O nome já diz tudo, prepare-se para uma região costeira extremamente rica em biodiversidade e paisagens incríveis.

Como pode uma das zonas mais estreitas e pequenas do continente americano ser tão gigante em natureza, cores e encantos?

 

O autêntico charme do país é sua impressionante natureza, que abarca lindas florestas tropicais. 38% de toda a área do país encontra-se coberta de bosques e selvas e 26% do território é protegido ambientalmente. 

 

São 35 Parques Nacionais e 8 Reservas Biológicas. Não à toa, lá encontramos 5% de toda a biodiversidade mundial. O que é impressionante, visto que a Costa Rica ocupa uma área de apenas 51 100 km², bem menos do que 0,1% de toda a superfície terrestre. 

Banhada a oeste pelo Oceano Pacífico, com incríveis 1 016 km de costa. E do outro lado com 212 km de litoral paradisíaco no Mar Caribenho

 

O conjunto de cordilheiras escarpadas atravessa o país de noroeste a sudeste e é o que cria diversos ecossistemas. Vulcões, florestas, águas azul turquesa, praias de areia fina… Muita fauna e flora! 

Lugar perfeito para o ecoturismo, não?

Onde fica e como chegar na Costa Rica

 

 

A Costa Rica é um país da América Central, ao norte do Panamá e ao sul da Nicarágua. O país possui uma população de 5 milhões de habitantes e sua capital é San José.  

 

A língua falada é o espanhol, mas a maioria da população também fala e/ou entende o inglês. 

 

O país é destaque em sustentabilidade, ecoturismo e mesmo com seu IDH, alto comparado aos vizinhos latino americanos. 

 

Apesar do turismo ser uma das principais forças econômicas do país, não há voos diretos do mundo inteiro para lá. Isso também inclui o Brasil.

 

Por isso, os trechos mais indicados para fazer conexão são pela Cidade do Panamá (Panamá),  via Bogotá(Colômbia), via Lima(Peru), ou mesmo pelo México. 

 

As companhias que fazem esses trajetos são principalmente a Avianca e a Copa Airlines. Mas você pode consultar a Gol e a Latam para os primeiros trechos. E conferir a Aeromexico, caso pense na possibilidade da Cidade do México. 

Quando ir? Melhor época para viajar para a Costa Rica

A melhor época para viajar para a Costa Rica vai de novembro a abril, período que os locais chamam de “verano”. Essa é a época mais seca, quando chove menos e temos a alta temporada turística

Prepare-se para encontrar muitos europeus e norte-americanos fugindo do frio do Hemisfério Norte. O país nesse período está voltado para o turismo, os preços são maiores, contudo o clima para aproveitar o país é bem legal.

 

 

Escolha se puder, viajar entre novembro e começo de dezembro, ou mais entre março e abril, para fugir do pico de dezembro a fevereiro. 

 

A temporada de chuvas frequentes inicia-se em abril e segue até novembro. Mas não se engane, também é possível viajar para lá nesse período. A vegetação estará bem verde viva, mas não dá para garantir o sol na praia, nem que as estradas estejam todas trafegáveis. 

 

O mais incrível da Costa Rica é que você pode encontrar temperaturas e condições de tempo diversas devido às notáveis variações de altitude. Há regiões que são mais secas o ano todo e muitas que estão sempre com nebulosidade. 





 

Dicas, informações e curiosidade para planejar a sua viagem

 

O país não exige visto dos brasileiros, mas você precisa da carteira internacional que comprove a vacina de febre amarela

 

A moeda oficial é o colón costa-riquenho, mas você não precisa e nem deve procurá-los aqui no Brasil( a oferta de câmbio é muito baixa). O ideal é levar o dólar americano, que além de ser aceito em muitos lugares, pode ser trocado facilmente pela moeda local. 

 

O fuso horário é de 4 horas a menos que o horário de Brasília.

Apesar de todo o desenvolvimento, a Costa Rica não é mais segura que o Brasil e os transportes públicos são desorganizados. É comum o relato de furtos e confusão de turistas. A melhor opção é você fazer uma viagem com uma agência especializada como a Freeway. Se preferir alugar carro, ou depender de ônibus, pesquise bem antes e seja cuidadoso.

 

O arroz com feijão também é bem típico por lá. Talvez até mais que para nós, porque é comido inclusive no café da manhã. Não estranhe com o nome, Gallo Pinto e principalmente com o polêmico coentro, que dá sabor à culinária local.

 

A principal expressão do país que vai marcar sua viagem é “tico”, usada para se referir a tudo que é típico da Costa Rica, sejam os nativos, sua cultura ou natureza. 

 

Outra frase legal é “Pura Vida'', que pode ser traduzida como boa vida, bem viver, beleza natural, bem-vindo...  É utilizada recorrentemente pelos costa-riquenhos para os turistas. 

 

O que fazer na sua viagem?

 

Logo saindo pela capital San Jose, um passeio típico é conhecer o vulcão Poás, a plantação de café Doka às suas margens e visitar a cachoeira La Paz e o Parque da Cascata La Paz

Outra opção é conhecer a Laguna Hule - que se localiza no Refúgio Nacional de Vida Silvestre Bosque Alegra, a 8 Km do Vulcão Poás. 

 

O Parque Nacional Tortuguero, é um dos destinos ecoturísticos mais populares do país, devido a sua beleza cênica e rica biodiversidade. Os canais, rios, praias e lagos abrigam um bosque tropical com água fresca e biologia marinha. Tortuguero é considerado o lugar mais importante da parte ocidental do Caribe para a desova da Tartaruga Verde e outras espécies como a tartaruga Baula e a Carey.

 

 

Poucos lugares na Costa Rica inspiram mais respeito e admiração que o Vulcão Arenal. Com 1.633 metros, sua forma cônica se impõe sobre as ladeiras de pastoreio verdes que rodeiam sua base. Mesmo que atualmente se encontrem em uma fase de repouso, o Arenal continua sendo um dos vulcões mais ativos da Costa Rica, durante os últimos 43 anos.

 

O Parque Nacional Manuel Antonio é um dos mais conhecidos graças a sua ampla variedade de espécies de flora e fauna: é o lar de três das quatro espécies de macacos existentes na Costa Rica. O parque conta com trilhas diferentes que variam em grau de dificuldade.

Tamarindo, um antigo povoado de pescadores artesanais, é na atualidade uma das comunidades turísticas mais desenvolvidas de Costa Rica. Suas condições geográficas e climáticas a tornam excelente  para a prática do surf e outros esportes aquáticos. Aqui também se encontram a maior parte do Parque Nacional Marino Las Baulas, o Refúgio Natural de Vida Silvestre Tamarindo e as praias Grande e Langosta que em conjunto constituem a região de acasalamento mais importante do Pacífico americano da tartaruga baula, em perigo de extinção.

 

Vamos para a Costa Rica? Viaje com a Freeway!

Ficou com vontade de viajar para a Costa Rica? Prepare-se para conhecer um povo muito acolhedor, um país sustentável e com uma natureza surpreendente

 

A Freeway é especialista em formar grupos de viagem para a Costa Rica e tem vários roteiros disponíveis. 

 

FALE COM NOSSO CONSULTOR